Uma coisa do freak do Caeiro que deve ser tomada como referência para os que gozam de ser Portugas.

Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver no Universo ... por isso a minha aldeia é tão grande como outra terra qualquer, porque eu sou do tamanho do que vejo e não do tamanho da minha altura ...

quarta-feira, 7 de março de 2007

Lembram-se de mim? Naaaaaa, não sou o Djaló nem tão pouco o Makelele nem o Nelson nem sequer o Marley disfarçado, sou a Matilde Rosa Araújo de Rebelo e Gomes da Silva.
Os meus donos é que fazem com que eu tenha este ar de serapilheira esgaseada, mas eu curto pra caraças ... o imbiente da casa é freakenstatic.

Sem comentários:

Enviar um comentário

OS COMENTÁRIOS SÃO DA RESPONSABILIDADE DE CADA UTILIZADOR.