Uma coisa do freak do Caeiro que deve ser tomada como referência para os que gozam de ser Portugas.

Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver no Universo ... por isso a minha aldeia é tão grande como outra terra qualquer, porque eu sou do tamanho do que vejo e não do tamanho da minha altura ...

terça-feira, 16 de janeiro de 2007

Conhecem a Matilde?

Ok, é uma cadela marca "cão-d'água português" que co-habita comigo e família na nossa quintinha em Bucelas.

Vai daí e a rapariga faz com que o percurso da natureza animal se desenrole e ... fica com o cio. Como dizia O lá de cima, crescei e muliplicai-vos, ou seja, procriai, levámos a miúda a dar uma volta até ao Lazarim (margem esquerda, Costa de Caparica, por aí) a casa de um amigo nosso que tem um cachorro parecido com ela só que castanho claro.

Bem, pasados alguns dias, a rapariga começa a engordar, a comer desalmadamente e eis senão que hoje de madrugada nos deu seis bichos lindissimos: um castanho claro, outro castanho escuro, uns com a cauda curta e outros com a cauda comprida, uma salganhada, seis. Engraçado que no domingo à noite já se sentiam os animais a brincar na barriguita dela; vinha para o nosso colo e quando punhamos a mão na barriguita sentiam-se os gajos ali aos coices, é bestial, fantástico.

Logo vamos à Dra. Margarida para saber o que ela diz da nossa Matilde e da sua prol, pois cheira-me que a rapariga apanhou-lhe o jeito e andou a curtir ali com o pessoal da quinta ao lado.

Mas está feito, já é Mãe e que Mãe fantástica ela saíu, corajosa, cuidadosa e serena, não chateou ninguém. Valente.

5 comentários:

  1. Ah g'anda Matilde. Parabéns à Mummy e aos "Avós" babados!!

    ResponderEliminar
  2. Grande Nuno,

    Thanks pelo apoio. Amanhã tenciono mostrar-vos mais umas fotos dos recém-nascidos.

    Seria fantástico se todos sobrevivessem ...

    Abração

    ResponderEliminar
  3. Grande ninhada amiga. Agora é que vai ser movimentação lá por casa, né?
    E são todos diferentes, todos iguais.
    Vai dando noticias dos cachorros.
    Um grande abraço
    Massuça

    ResponderEliminar
  4. Pois é Zézito!!! A piquena é um must. Tadinha, tão pequenina e vejam lá...
    Vem por cá amanhã que vez mais fotos!

    ResponderEliminar
  5. Xiiiiiiiiiiii, q grande patacoada que a menina deu na gramática!! Peço desculpa a quem leu (e ao Zé, evidentemente) e de imediato aqui deixo a errata:
    onde se lê "Vem por cá amanhã que VEZ mais fotos", deve ler-se "Vem por cá amanhã que VÊS mais fotos"
    Desculpem, desculpem, desculpem!
    (que vergonha...)

    ResponderEliminar

OS COMENTÁRIOS SÃO DA RESPONSABILIDADE DE CADA UTILIZADOR.