Uma coisa do freak do Caeiro que deve ser tomada como referência para os que gozam de ser Portugas.

Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver no Universo ... por isso a minha aldeia é tão grande como outra terra qualquer, porque eu sou do tamanho do que vejo e não do tamanho da minha altura ...

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Oh Ferreira ... Leite ... olha, coalhou !?

De certeza que coalhou, já não rebobina à velocidade certa.

Esta ilustre Freirinha, vem a público dizer que talvez fosse melhor uma ditadura de seis meses para arrumar a casa e depois voltava-se à Democracia!

Passou-se, ou será que ela acha que a dita dura? Será que não raciocina ou nos quer impingir a berlusconice italiana da corrupção organizada? Ilustres pensantes do povo, sim, nós, somos nós que elegemos esta gente, não tropecemos no degrau! Meus caros amigos, ou se distribui galheta forte e feio e se arruma a casa aqui em Portugal como mandam as regras ou se estas gentes aprimoram esta energúminice, estamos tramados.

É que a grande maioria de nós quer mesmo ver a casa arrumada e já pensa também em chamar alguém que ponha e disponha sem medo e sem ter que pedir autorização a seja quem for para fazer o que bem entender. Eu também gostava, mas cuidado, muito cuidado!

Os berlusconinos voltaram a ter a censura, a perseguição, os blogues têm que ser autorizados e os autores cadastrados, caso contrário são presos, os jornalistas não podem dizer o que querem, o jornalista independente é despedido, não se financiam as universidades, as TVs estão controladas, todas, houve uma manifestação de milhões de pessoas e o que é que se soube? Nada, pois é!

Que a dita dura mas não perdura, já nós sabemos, portanto minha Senhora, com o devido respeito, tenha tino, pois se coalhou é melhor deitar fora, não presta. Cuidado com o degrau!

1 comentário:

  1. Coalhou e azedou, está mesmo completamente fora de prazo...O seu consumo pode causar graves danos...

    ResponderEliminar

OS COMENTÁRIOS SÃO DA RESPONSABILIDADE DE CADA UTILIZADOR.