Uma coisa do freak do Caeiro que deve ser tomada como referência para os que gozam de ser Portugas.

Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver no Universo ... por isso a minha aldeia é tão grande como outra terra qualquer, porque eu sou do tamanho do que vejo e não do tamanho da minha altura ...

sexta-feira, 14 de maio de 2010

Profetas Pedro e José

Estes coitaditos pedem-nos para acrescentar mais um furinho no cinto para apertar. Obedecemos a sorrir como bons tugas que somos e gostamos de estar sempre bem, fazemos disto moda e, para não andarmos encorrilhados, usamos antes uns suspensórios.

O Governo pede para fazermos sacrifícios, aumenta-nos os impostos, brinca com marcas de refrigerantes, faz comparações atrozes, mas o animal que vai pagar e sofrer mais vai ser sempre o mesmo, nós, povo que já pouco tem. Porque não cortam eles antes nas reformas principescas que pseudo-políticos e jurássicos caquéticos acumulam impunemente, porque não cortam primeiro aqui no dinheiro público?!

Um exemplo atroz, nesta altura de peregrinação e fé, é o Sr. Padre Melícias, que a ser Franciscano deixa muito a desejar, pois voto de pobreza não o revejo nele, tem uma reforma de cargos que foi angariando ao longo da sua apostólica caminhada e aufere agora quase 8 mil euros por mês pagos por nós ... mas deve partilhá-los com a obra, espero que sim, estou eu aqui a dizer coisas; e o Sr. Vasco Franco, antigo n.º 2 na CMLisboa pelo PS que recebe, além do que já mama, ainda mais 900 euros de uma estranha reforma, por ter sido ferido em combate, em Moçambique, mas depois do 25 de Abril?! Estranho não é!?

Aos novos Profetas peço, consideração por quem vos elege, sabedoria e, acima de tudo, a Pedro, que não faça de nós mais estúpidos do que José já pensa que somos, pode ser?

Sem comentários:

Enviar um comentário

OS COMENTÁRIOS SÃO DA RESPONSABILIDADE DE CADA UTILIZADOR.