Uma coisa do freak do Caeiro que deve ser tomada como referência para os que gozam de ser Portugas.

Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver no Universo ... por isso a minha aldeia é tão grande como outra terra qualquer, porque eu sou do tamanho do que vejo e não do tamanho da minha altura ...

sexta-feira, 16 de julho de 2010

Afinal o que é o Socialismo!?

O Socialismo é esta merda sob a qual vivemos em Portugal, de forma pura e consequente, vivida e gerada por uma cambada de atrasados mentais que se ocuparam do poder há mais de trinta anos e alegam viver no País de Liberdade Conseguida pelo Povo e para o Povo. Puta que os pariu!

Ah e tal eu sou socialista! Quantas vezes ouvimos as gentes gotejarem esta frase, com orgulho, quantas? N vezes, N! Só que estes iletrados não sabem o que é que estão a dizer, com excepção dos ilustres políticos eleitos pelo povo e para o povo, esses sim, esses sabem bem o que é ser socialista. Mas eu digo-vos e resumo a coisa para que não façam juízos errados do que aqui escrevo.

Não me lixem! Durante anos existiram pessoas que quiseram governar este meu cantinho europeu, uns conseguiram, outros não, outros governaram-se, outros foram mortos, outros mandados matar, outros morreram, enfim, houve até quem se governou com o governo dos outros, criminosos sem culpa formada, pedófilos a chorar por perdão, enfim, o governo desmesuradamente desgovernado, ou seja, uma chusma de corruptos maçons e não, que se dedicaram a dar as mãos para que o sujo delas fosse comum e não houvesse alguém que os pudesse acusar.

O socialismo é tudo isto e mais alguma coisa que os Marxes e Trotskis e essa merda toda escreveram e nós estudámos e até muitos alvitrámos ser talvez este o melhor caminho: implemente-se o socialismo e viveremos todos de forma igualitária, tudo para todos de forma igual! Ainda se recordam do MRPP (eu andei lá), a malta gritava e apelava á igualdade e ... enfim! O socialismo é isto, tudo para todos da mesma forma, e se a coisa correr mal, choramos e culpamos os outros de nós estarmos como ficámos, na merda e empenhados até á quinta casa. Vejam só o desgoverno desta sócretina alma e do velho cuspideira; o velhote enterrou-nos bem fundo deste muito cedo, este rapaz, o de agora, calcou mais um pouco mas largou para o buraco onde estamos todos enterrados, um pouco mais de terra nova por cima, adubou-nos para nos nascerem os cornos, e agora que somos todos diabos, a culpa é de quem é rico!

Não percebem?! A culpa de Portugal estar como está é da Alemanha, da França, da Espanha, sim, a culpa é destes gajos ricos! Oiçam o discurso deste sócretino atrasado mental no nosso parlamento quando pede ajuda ao exterior, ouçam-no a dizer “... se a ajuda dos países europeus com maior poder financeiro não chegar a nós atempadamente, Portugal dificilmente sairá desta crise em pouco tempo e com qualidade ...”.

E fica tudo bem, e eles, os socialistas, continuam a governar-se e a enriquecerem e a saírem impunes de crimes e de corrupções activas e passivas que nos entram em casa todos os dias pelos media.

Em suma, o socialismo funciona desta forma! Faz-se, se correr bem, continua a fazer-se, se correr mal, continua a fazer-se na mesma, mas desta feita a culpa é dos ricos e capitalistas e vamos à vaca da Europa comunitária mamar e grunhir bem alto para que nos acuda porque como somos pobres e coiadinhos, não podemos concorrer com os demais e é injusto. Isto é o Socialismo: um bando de vigaristas chorões e incompetentes que depois de enriquecerem fazem merda e depois culpam os outros e cagam no Povo que os elegeu (eu não).

Viva Portugal Socialista! Viva a maçonaria! Mas não assim, pelo menos para mim.

Sem comentários:

Enviar um comentário

OS COMENTÁRIOS SÃO DA RESPONSABILIDADE DE CADA UTILIZADOR.