Uma coisa do freak do Caeiro que deve ser tomada como referência para os que gozam de ser Portugas.

Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver no Universo ... por isso a minha aldeia é tão grande como outra terra qualquer, porque eu sou do tamanho do que vejo e não do tamanho da minha altura ...

segunda-feira, 24 de setembro de 2007

ESTAMOS EM ALTURAS DE RAPTOS E SEQUESTROS

Eis uma pequena história que por inédita que seja nem tem nada a vêr com ficção mas sim com a realidade da estupidez de cada um. Os taralhocos que fizeram o que fizeram à coitadita da Méde são menos estúpidos, ou pelo menos aparudem. Iludências.

Pronto, aqui vai a história.

LOIRA SEQUESTRADORA

A loira não conseguia passar no teste para emprego nenhum. Resolveu tomar uma atitude extrema para ganhar dinheiro:

- Vou raptar e sequestrar uma criança, isso, uma criança loira e bonita com sinais particulares únicos! - pensou - Com o dinheiro do resgate eu resolvo a minha vida ...

Ela encaminhou-se para um jardim de infância com parque de recreio ao ar-livre, num bairro de luxo, viu um menino muito bem vestido, de cabelos ondulados e olhos azuis, com um sinal no nariz. Esperou pela oportunidade e zás ... puxou-o para trás da moita e depressa desatou numa euforia a redigir o bilhete de resgate:

- "Querida mãe isto é um sequestro. Estou com o SEU filho. Favor deixar o resgate de €100.000,00, amanhã, ao meio-dia, atrás da árvore do parque onde fui raptado. Assina, Loira sequestradora!" Então ela agarrou no bilhete, dobrou-o e colocou-o no bolso da bata do menino dizendo:

- Agora vai lá, corre e entrega este bilhete à tua mãe.

...

CALMA - AINDA NÃO ACABOU...!!!

- No dia seguinte, a loira vai até ao local combinado. Encontra uma bolsa! Ela abre, encontra €100.000,00 em dinheiro, limpinho e um bilhete anexo, dizendo:

- "Está aí o resgate que VOCÊ me pediu. Só não me CONFORMO como uma loira pode fazer isso com outra ... !!!!"

Agora meus amigos, a questão que se põe: A Mãe da Méde ... de que cor são os cabelinhos da senhora que anda de urso na mão? São ... pois é, e os amigos da Mãe e do pai da Méde são lou ... ahn, são em grande maioria muito lou ... Isso. Coincidências de entendimentos nacionalistas ou meramente um entrave raquidiano que se traduz na cor da cabeleira e na percepção estupefacta de descobrir-se que se é loura e que se consegue enganar meio mundo.

4 comentários:

  1. É loira, não se percebe é porque é que pinta as raízes de preto...

    ResponderEliminar
  2. Loirices à parte - que as há e muitas neste caso, lá isso há - a verdade é que, em investigação criminal, as coincidências têm outro nome.
    A verdade é que alguém pensou que Portugal é um país do norte de África com muito sol,campos de golfe e pouco mais e uma polícia sem meios nem preparação técnica, que nunca iria além de alguns dias de buscas com cães rafeiros...

    ResponderEliminar
  3. ... até que mostrámos ao mundo que afinal somos mesmo desendentes de Lusitanos e que se preciso for lhes damos umas galhetas e os ensinamos a trabalhar. Mas falta-nos persistência e coragem em admitir que não precisamos de de nos subjugar. Temos valor e temos que o mostrar, e a cultura, ai a cultura ...

    ResponderEliminar
  4. Já nem sei o que pensar da dita Cáti. Embora esteja convencida de que neste caso, a nossa Polícia (que sei ser uma das melhores do Mundo, ao contrário do que o "bifes" pretendem insinuar)não vai provavelmente chegar a conclusão nenhuma, pergunto-me: Se a dita Cáti não tem culpas no cartório e se, segundo os ingleses, a nossa Polícia é tão incompetente, para quê o empenho do Governo Inglès em investir tanto dinheiro e nomear pessoas tão importantes para defenderem o casal McCann?
    Luisa Sequeira

    ResponderEliminar

OS COMENTÁRIOS SÃO DA RESPONSABILIDADE DE CADA UTILIZADOR.