Uma coisa do freak do Caeiro que deve ser tomada como referência para os que gozam de ser Portugas.

Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver no Universo ... por isso a minha aldeia é tão grande como outra terra qualquer, porque eu sou do tamanho do que vejo e não do tamanho da minha altura ...

segunda-feira, 13 de dezembro de 2004

A Agência Noticiosa Frangalho ...
Lisboa, 14 e dezanove quase vinte, e aos 13 dias de Dezubro de 2004


... confirma que o epicentro do fenómeno sísmico hoje sentido na orla costeira ocidental do continente, se deveu a um fenómeno e, desta forma, um fenómeno químico e não geofísico. Diz o pasquim que " ... a dada altura o Velho do Restelo conseguiu libertar-se de quatro pastéis de Belém que o estavam a embuchar e entregá-los a uma associação protectora d'animais com penas ...".

O fenómeno que causou tal tremedeira e nos fez pensar até, sim, nos fez pensar até ... bem, se teria sido a queda do governo que teria provocado esta tremedeira toda ou não, não foi um movimento tectónico mas sim peristáltico. Este último ocorre normalmente e sempre que hesistam gases empastelados ou entalados nos intestinos (semelhante situação se pode considerar relativamente aos lençóis de água subterrâneos que criam bolhas de ar e aos rios de lava que correm por baixo da crosta terrestre e enfaralham aquela cena toda).

Bem, este tremor teve uma escala de 5,5 (vai de 0 a 10 pontos) na escala do Sr. Richter e onde se sentiu mais foi no Oceano Atlântico, ali bem perto da Torre de Belém. Segundo os técnicos do Frangalho, chegaram à conclusão que se a associação protectora de animais com penas não tivesse metdo tanta água, que nada disto teria acontecido.

Bem hajam, e já sabem, se comerem pastéis a mais, não se sentem, tentem levitar.

Um abraço,
Jack Dalton
*****

Sem comentários:

Enviar um comentário

OS COMENTÁRIOS SÃO DA RESPONSABILIDADE DE CADA UTILIZADOR.